linha verde | green line

Iremos trabalhar com a população local, ATLA & escolas no desenvolvimento do 1º roteiro para explorar as temáticas ‘jardins/hortas’ e ‘refeições de rua (ex. piqueniques) e espaços para sentar/estar’.

Serão organizados workshops com as crianças e adultos das Escolas, ATLA e Juntas sobre como pensar os espaços seleccionados para a criação de pequenos jardins/ hortas. As crianças farão o levantamento visual do que existe nos locais escolhidos e projectarão as suas ideias sobre espaços verdes no bairro. Entre desenhos, maquetes, fotografias, video e pequenas instalações começaremos a intervir e a delinear responsabilidades e grupos que irão contribuir na manutenção.

As ideias recolhidas nos workshops servirão de base para o projecto, o qual será apresentado numa outra exposição pública in-situ, dias de festa, onde serão também expostos os trabalhos das crianças e adultos.

Criar-se-á um grupo que estará activo na transformação dos recantos convertidos em jardins e hortas. Essa equipa ficará responsável pela construção de alguma infraestrutura física necessária liderada pelo atelier urban nomads.

Em paralelo com o processo de construção, ao ar livre, desenvolvido com uma equipa e materiais locais será desenvolvida uma programação que facilitará a manutenção e dinamização desses mesmos espaços.

O processo será documentado na base de dados online e na publicação mensal. A construção irá usar materiais reutilizáveis sempre que possível.

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

The first stage (and first route) of the project will be developed with children from the local schools and after school club in order to explore the themes ‘gardens and allotments’ and ‘outdoor meals (ex. picnics) as well as spaces to seat/rest/socialize. 

Workshops with local children and adults will be organized (see programme) in order to re-think derelict public spaces in such way they can become part of the chosen spots for the new allotments and gardens. The children will help documenting those spaces and will project their ideas about how they wish the green spaces in the neighbourhood to become. Through drawings, models, photographs, video and small-scale installations we will start inhabiting the chosen spaces and we will set up a programme that will contribute to their maintenance scheme.

The ideas collected during the workshops will become the foundations for the project. It will eventually be publicly presented in an open-air exhibition in situ where the local people will also be able to see the work developed with the children and adults already involved.

A group will be formed so they can be in-charged of the transformation and maintenance of those chosen spots. The construction process will happen outdoors and will be developed with a local team and materials. A thorough programme will help keeping those spaces dynamic and well maintained.

The process will be documented online and through a monthly publication. The construction will use local materials whenever possible. 

Advertisements